Adultos Vip » Sexo » Fatos sobre sexo oral que vão te impressionar

Fatos sobre sexo oral que vão te impressionar

1 vote

Fatos sobre o sexo oral que são impressionantes

Depois de um levantamento de informações, é fácil achar pesquisas que falam sobre essa prática há milhões de anos. Aparentemente o ser humano alimenta um desejo de explorar o mundo colocando as coisas na boca, no então são os egípcios que detêm prova detectável de que o sexo oral era praticado.

As provas consistem em pinturas da época, onde os homens realizavam o ato em si mesmos, ainda assim é complicado dizer exatamente quem inventou de invadir as regiões íntimas com os lábios.
Vamos observar que nem sempre as práticas foram simples como estão atualmente, existe uma série de fatos que podem te impressionar fortemente.

Na antiga Roma, os homens nobres só podiam receber

oral

Era comum que os soldados nobres e os homens recebessem sexo oral, mas as mulheres e os escravos ficavam de joelhos para eles. A sociedade de Roma era adepta do modelo patriarcal, então era normal que o oral fosse uma extensão desses conceitos, o homem acaba visto como um perdedor se quisesse retribuir esse carinho à sua parceira.

A igreja não está de acordo com o assunto

oral

É bem disseminada a teoria de que qualquer sexo que não seja para procriar é um grande tabu. Os viventes do século dezenove enfrentavam consequências horríveis para o oral e afins, eles recebiam até chicotadas. Uma certa influência ainda é vista, já que o véu usado no casamento tem a finalidade de manter a pureza dos lábios da noiva, de acordo com o autor Theyry Leguay.

O sexo oral já ressuscitou um Deus do Egito

oral

Osíris foi um Deus morto pelo irmão, cuja estória conta que foi ressuscitado quando teve o pênis sugado por alguém de sua própria família.

O povo peruano usou vários truques sexuais para decorar potes

Foi numa civilização que habitou o Peru e criou cerâmicas gravadas com todos os tipos de práticas sexuais. Essas peças continham divindades, pessoas em posições bastante comprometedoras, desenhos de pênis espalhados aleatoriamente e afins. As cerâmicas foram achadas em túmulos de pessoas nobres, em paralelo a artefatos religiosos, o que leva à especulação de que tem a possibilidade de terem sido usados para rituais.

Postagens Relacionadas

Comentário Fechado.